Partager:

 

Paroles Mil anos luz de Magrela

Mil anos luz

Mais um dia se passou e a janela nao se abriu
Ainda sou motivo de piada
Diferente dos demais, num lugar escuro e frio
A mil anoz luz da minha casa

Eu não sou daqui, você não viu o q eu vi
E não sabe o que acontecerá
Não quero te ver, até você aprender
Que às vezes é tudo ou nada

Não preciso aturar, o que você me falou
E o barulho da sua risada
Eu não tenhu que aguentar, eu não quero e eu não vou
O desprezo me reduz a nada


Eu não sou daqui, você não viu o q eu vi
E não sabe o que acontecerá
Não quero te ver, até você aprender
Que às vezes é tudo ou nada

Eu ja não sei o que fazer
Nuvem escuras encobrem você
Cobras, lagartos, ratos, dentro dos meus sapatos
É tao dificil esquecer
Uma paisagem negra em volta de você

Eu não sou daqui, você não viu o q eu vi
E não sabe o que acontecerá
Não quero te ver, até você aprender
Que às vezes é tudo ou nada
 
 

Traduire cette paroles:

  • it
  • en
  • es
  • fr
  • de